Francisco Martins Rodrigues

Carta a LC – 7

31/1/1996

Caro Amigo:

Tenho recebido as tuas cartas, recortes e os 100 marcos, que foram para renovação da tua assinatura. Já tens a revista assegurada pelos próximos dois anos! Aproveitei alguns dos elementos que mandaste para a P.O. 53, que está pronta e vai amanhã para a tipografia. Depois me dirás se te agrada.

É claro, sabemos que a nossa posição abstencionista desagradou a bastantes leitores, que achavam que o voto no PS se justificava para assegurar a derrota do Cavaco. Nós, sendo anticavaquistas ferrenhos e participando em todas as campanhas para deitar o PSD abaixo, só não participamos nessa de ir pôr o voto pelo PS, em que não acreditamos nem um poucochinho. A política é toda a mesma – é a que vem de Bruxelas. Agora mesmo, nas negociações da concertação social, o novo governo fez o que faria o Cavaco: 4,5% de aumentos, a troco da flexibilização dos horários e da polivalência de funções. Uma sacanice para agrdar aos grandes capitalistas. Por cá, tudo bem. E continuo à espera dos teus recortes e informações. Um abraço

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s